Seguidores

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

UFERSA: FEIRA DE CIÊNCIAS REÚNE 229 TRABALHOS DE ESTUDANTES SECUNDARISTAS



Feira de Ciências da UFERSA





Apresentador do programa de tevê Ciência em Casa, Gerson Santos, que fez alguns experimentos para a plateia/Foto: Felipe Cafré
Nessa quinta e sexta-feira, 18 e 19, acontece nas dependências do Expocenter, localizado no Campus Central da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, a VIII Feira de Ciências do Semiárido Potiguar.  Ao todo, estão expostos da Feira de Ciências 229 trabalhos realizados por estudantes de escolas públicas de todas as regiões do Estado. A proposta é incentivar e despertar a curiosidades dos jovens estudantes para a ciência, além de prepara-los para a utilização do método científico nos trabalhos escolares. A VIII Feira de Ciências do Semiárido Potiguar está inserida na Semana de Ciência e Tecnologia da Ufersa.

Cristiane Carvalho, Coordenadora da Feira de Ciências/Foto: Felipe Cafre
Os 229 trabalhos foram selecionados entre mais de dois mil apresentados nas feiras das escolas públicas e nas feiras regionais, sendo desenvolvidos por meio da Metodologia Científica ao Alcance de Todos – MCAT.  “Além de ser uma oportunidade para a apresentação dos trabalhos, a Feiras de Ciências do Semiárido Potiguar possibilita a troca de experiências, fortalece amizades, além de ser um espaço de interação tendo como objetivo a produção de ciência”, afirmou a coordenadora da Feira, Cristiane Carvalho, durante a solenidade de abertura.

Reitor em exercício, professor Álvaro Macedo
Para o reitor em exercício, professor Álvaro Fabiano de Macedo, pró-reitor de Planejamento, ao promover a Feira de Ciências à Universidade cumpre o papel de educar e promover a cidadania. “Despertar o interesse pela ciência é potencializar o surgimento de novos cientistas”, discursou. O professor acredita que a feira representa um diferencial na vida da maioria dos estudantes. “O papel da ciência é melhorar a sociedade e esperamos que muito em breve esses estudantes estejam fazendo ciência nas universidades”, afirmou.
A abertura contou ainda com a palestra motivadora da universitária, Myllena Crystiane Braz da Silva, do curso de Engenharia Agrícola e Ambiental da Ufersa, que repassou para os demais estudantes a experiência dela com a participação em Feiras de Ciências e, o apresentador do programa de tevê Ciência em Casa, Gerson Santos, que fez alguns experimentos para a plateia.

Nenhum comentário: