Seguidores

quarta-feira, 31 de outubro de 2018

GUSTAVO CARVALHO PEDE AO ESTADO SEGURANÇA PARA ANGICOS



O deputado estadual Gustavo Carvalho (PSDB) fez um pronunciamento, na sessão plenária desta quarta-feira (31), em defesa do aumento do efetivo policial do município de Angicos. O parlamentar disse que vai pessoalmente à Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) reforçar o pleito, pois a população local sofre consequências similares aos de uma “guerra”.

“Nos últimos anos, a violência em Angicos aumentou muito. São assassinatos, invasões de domicílios, estupros e outros atos de violência que afetam a população na sede do município e nos seus distritos. O Estado precisa agir energicamente e com urgência”, acrescentou Gustavo.

O deputado José Adécio (DEM) aparteou Gustavo Carvalho apoiando a iniciativa do parlamentar. “Angicos tem amargado episódios muito difíceis e essa solicitação se faz necessária”, disse ele. Gustavo ainda apresentou outros argumentos em defesa de Angicos: o fato de se tratar de uma cidade polo e com grande extensão rural.

DEPUTADO PROPÕE REDUÇÃO DE 50% DA TARIFA PARA MOTOS EM ESTACIONAMENTO



Fotos: Eduardo Maia
A redução de 50% nas tarifas em estacionamentos para motocicletas em relação aos carros. É a proposição do deputado Gustavo Carvalho (PSDB) que apresentou projeto de lei neste sentido. Na sessão plenária desta terça-feira (30) o parlamentar justificou a sua iniciativa.
“A falta de estacionamentos públicos passou a ser considerada como um dos graves problemas de mobilidade urbana no Rio Grande do Norte. A existência de vagas é cada vez menor, sobretudo nas grandes cidades”, afirmou o deputado. Gustavo Carvalho citou que os estacionamentos privados são a opção frequente para clientes de shoppings, centros comerciais, supermercados, hospitais, entre outros.
De acordo com seu projeto, as tarifas para motocicletas devem ser reduzidas em 50%, pois as vagas para estes veículos são proporcionais ao seu tamanho e os proprietários são proibidos de estacionar em vagas destinadas ao carro. “Mesmo pagando a tarifa igual, o usuário de moto recebe um tratamento desigual”, justificou.
O projeto foi lido hoje em plenário e irá para as Comissões. De acordo com a matéria, os valores das tarifas deverão ser afixados na entrada do estacionamento e nos locais de pagamento. Em caso de infração, as autoridades aplicarão penalidades aos fornecedores de serviço, que deverão ser notificados em 15 dias e multados em R$ 3 mil. Em aparte, o deputado Ricardo Motta (PSB) parabenizou o colega: Espero que esse projeto se torne de âmbito federal”, disse.
Eleições
Gustavo Carvalho também agradeceu os mais de 47 mil votos obtidos e parabenizou os colegas eleitos. “Quero me solidarizar com os colegas que não renovaram seus mandatos, políticos que são importantes para nosso Estado e deverão continuar contribuindo com sua vida pública. Valorosos companheiros que aqui me deram o prazer de dividir momentos de muita luta em favor do nosso Estado”, afirmou.
Sobre a governadora eleita, Fátima Bezerra (PT), o deputado a parabenizou e desejou sucesso no mandato: “Não será fácil, o Estado vive um momento crítico, difícil, de reflexões e de muitas mudanças que terão que advir”, disse Gustavo. O deputado afirmou que não será fácil governar o Estado sem medidas sérias, que serão encaminhadas pelo Executivo e que mesmo fazendo oposição, irá defender o Rio Grande do Norte.
ALRN

segunda-feira, 29 de outubro de 2018

FÁTIMA BEZERRA TERÁ APOIO DE PELO MENOS METADE DOS DEPUTADOS DA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA


Dos 24 eleitos que irão compor o parlamento estadual em 2019, metade esteve com a petista desde o início da campanha ou passou a apoiá-la no segundo turno.



Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte — Foto: ALRN/Divulgação

Eleita governadora do Rio Grande do Norte neste domingo (28), Fátima Bezerra (PT) ainda não sabe se terá maioria na Assembleia Legislativa quando começar seu mandato, em 1º de janeiro de 2019. Dos 24 deputados que irão compor o parlamento estadual em 2019, metade esteve com a petista desde o início da campanha ou passou a apoiá-la no segundo turno.

Dos demais, oito eleitos fizeram campanha a favor de outros candidatos derrotados ao governo e até então permanecem como oposição e quatro declararam que irão manter uma postura de independência ou de neutralidade.

Confira a lista:

Apoio

Isolda Dantas (PT)
Francisco do PT (PT)
Kleber Rodrigues (Avante)
Eudiane Macedo (PTC)
Ubaldo Fernandes (PTC)
Sandro Pimentel (Psol)
Ezequiel (PSDB)
Raimundo Fernandes (PSDB)
Galeno Torquato (PSD)
Vivaldo Costa (PSD)
George Soares (PR)
Souza (PHS)

Oposição

Coronel Azevedo (PSL)
Dr. Bernardo (Avante)
Gustavo Carvalho (PSDB)
Tomba Farias (PSDB)
Hermano Morais (MDB)
Getúlio Rêgo (DEM)
Albert Dickson Oftamologista (PROS)
José Dias (PSDB)

Independência ou neutralidade

Kelps (Solidariedade)
Allyson Bezerra (Solidariedade)
Nelter Queiroz (MDB)
Cristiane Dantas (PPL)

G1 RN

PAÍS ENFRENTA NOVA GREVE DE CAMINHONEIROS

GREVE DE CAMINHONEIROS



Após a enxurrada eleitoral, a vida real volta a se impor. Começa nesta segunda-feira uma nova greve dos caminhoneiros, com início previsto em Goiás. Logo no primeiro dia após uma conturbada eleição, o país parece enfrenta nova rodada de polêmicos embates entre sociedade civil, representantes de setores comerciais e o Estado.

O motivo da greve é o descumprimento da tabela do piso mínimo do frete, que os caminhoneiros entendem como uma falha da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). Segundo os motoristas, as transportadoras estão pagando um valor abaixo do frete mínimo, além de “perseguirem” os caminhoneiros que não aceitarem o valor.

A agência ainda estuda maneiras de penalizar o descumprimento da tabela, e por isso o prejuízo já é sentido pelos caminhoneiros. O prazo para apresentação de propostas para a ANTT acaba no dia 9 de novembro. Mas é de interesse do governo federal evitar que a greve prometida para hoje.

A paralisação passada trouxe perdas gigantescas para a economia do país: o setor de transportes sofreu uma queda de 1,4% em relação ao primeiro trimestre; no mesmo período, o consumo das famílias ficou estagnado, tendo aumento de somente 0,1%; as exportações sofreram uma retração de 5,5%, e houve uma queda de 1,8% nos investimentos do país. Além desses números, analistas projetam um crescimento menor no PIB anual: segundo o Ministério da Fazenda, a perda será de 1,2 ponto percentual no produto interno bruto de 2018.

Vale lembrar que a tabela em vigor foi feita às pressas, para encerrar a paralisação de maio. Após um vai e vem de valores e cálculos, o governo federal fechou com um valor que valerá até janeiro de 2019. Ou seja: é um potencial enorme abacaxi para o próximo governo eleito. Além da tabela, houve uma redução em 0,30 real no valor do litro do diesel para caminhoneiros. Com o cumprimento da tabela, o subsídio, que se encerra no dia 31 de dezembro, poderia ser extinguido.

Encabeçada pelos caminhoneiros de Goiás, a greve começará com uma “fiscalização informal”: bloqueio de pistas e de entradas das fábricas. Espera-se que caminhoneiros de Santa Catarina também possam aderir à paralisação. Se o movimento vingar, o governo já sabe que precisa ser rápido para evitar o pior.

Via Exame. 


AVIÃO COM 189 PASSAGEIROS A BORDO CAI NO MAR DE JAVA, NÃO HÁ SOBREVIVENTES


Equipes de resgate realizam buscas; itens que seriam da aeronave foram localizados na água.

Divulgação/Cnn

Um Boeing 737 da companhia indonésia Lion Air, que transportava 189 pessoas, caiu na manhã de segunda-feira ao largo da costa, pouco depois de decolar de Jacarta, anunciaram as autoridades. A aeronave solicitou a volta ao aeroporto da capital pouco antes que o contato com o controle aéreo fosse perdido, por volta das 6:30 da manhã. O avião seguia para Pangkal Pinang, uma cidade na ilha de Bangka, em frente à Sumatra.

“O avião caiu na água“, disse Yusuf Latif, porta-voz da agência de buscas. As autoridades revelaram que o avião passou por uma vistoria devido a um problema técnico antes do acidente. “Ainda estamos procurando os restos do avião“, acrescentou. Sindu Rahayu, gerente geral da aeronave civil no Ministério dos Transportes, anunciou em comunicado que o avião transportava 178 passageiros adultos, uma criança e dois bebês, além de dois pilotos e seis tripulantes de cabine. 

“O avião pediu para retornar à sua base antes de desaparecer dos radares “, disse ele. O rastreamento da aeronave mostra em um mapa o caminho percorrido pelo Boeing 737 Max 8, que, depois de decolar em uma direção sudoeste, vira para o sul e depois para nordeste antes descontinuado sobre o Mar de Java não muito longe da costa. 

A Indonésia, um arquipélago do Sudeste Asiático com 17.000 ilhas e ilhotas, é altamente dependente do transporte aéreo e os acidentes são frequentes. Recentemente, um menino de 12 anos sobreviveu a um acidente de avião que matou oito pessoas em uma área montanhosa da remota província de Papua.

HADDAD VENCEU EM TODOS OS ESTADOS DO NORDESTE; GOVERNADOR DO MA AGRADECE






Nas redes sociais, o governador do Maranhão se manifestou após a vitória do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Até às 19h45, com 97,38% das urnas apuradas, Bolsonaro teve 56.704.850 votos válidos (55,42%).

“Agradeço à população do Maranhão pela extraordinária votação conferida a Haddad. Longe daqueles discursos preconceituosos que se ocupam de atacar o Nordeste, nosso voto se embasa em uma visão sobre desenvolvimento com justiça social. Essa concepção foi a vencedora aqui”, disse Flávio Dino por meio de sua página no Twitter.

Mais cedo, minutos após Bolsonaro ser anunciado presidente, Flávio Dino reforçou que é muito importante a “ampla mobilização de artistas, intelectuais, políticos, movimentos sociais, mantenha-se para defender as classes populares, os interesses nacionais e o Estado Democrático de Direito”. Garantiu ainda que “não se perde quando se combate por boas causas”.


Pelas redes sociais, o candidato à presidência da República, Fernando Haddad (PT) também se manifestou.

“Gostaria de agradecer meus antepassados que me ensinaram o valor da coragem e a defender a justiça a qualquer preço. Todos os demais valores dependem da coragem. Gostaria de agradecer os 45 milhões de eleitores que nos acompanharam. Uma parte expressiva da população que precisa ser respeitada”, agradeceu o petista.

Na região Nordeste, a votação de Haddad foi expressiva e o presidenciável ganhou em todos os estados:Infográfico divulgado pelo portal UOL.

MA10

FÁTIMA BEZERRA É A GOVERNADORA ELEITA MAIS VOTADA DA HISTÓRIA


Com 100% das urnas apuradas, segundo o TSE, ela angariou 1.022.910 votos. Fátima é a única mulher eleita governadora no país em 2018.

Fátima Bezerra é a governadora eleitoa mais votada da história do Rio Grande do Norte — Foto: Pedro Vitorino

A senadora Fátima Bezerra (PT) bateu o recorde de votos recebidos por um candidato que concorreu ao governo do Rio Grande do Norte. Com 100% das urnas apuradas, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ela angariou 1.022.910 votos. É a primeira vez que um governador ultrapassa a barreira de um milhão de votos no estado. No primeiro turno, Fátima recebeu 748.150 votos.

O recorde anterior pertencia ao atual governador Robinson Faria (PSD). Em 2014, ele foi eleito com 877.268 votos, derrotando o ex-deputado federal e ex-ministro do Turismo Henrique Eduardo Alves (MDB) em segundo turno. Robinson disputou a reeleição em 7 de outubro deste ano, mas não teve êxito.

Fátima ainda superou o número de votos que conquistou em 2014, quando foi eleita senadora pelo Rio Grande do Norte. Na ocasião, obteve 808.055 votos e venceu a ex-governadora Wilma de Faria, que também concorria a uma cadeira no Senado Federal.

Fátima Bezerra assume o governo do Rio Grande do Norte em 1° de janeiro de 2019. Ela ocupará o cargo até 31 de dezembro de 2022.

Governadores eleitos no RN

Ano Governador Número de votos
2018 Fátima Bezerra (PT) 1.022.910
2014 Robinson Faria (PSD) 877.268
2010 Rosalba Ciarlini (DEM) 813.813
2006 Wilma de Faria (PSB) 764.016
2002 Wilma de Faria (PSB) 820.541
1998 Garibaldi Alves Filho (PMDB) 560.682
1994 Garibaldi Alves Filho (PMDB) 489.765
1990 José Agripino Maia (PFL) 525.229

Fonte: TSE

Eleições 2018

Com 98,97% das urnas eletrônicas apuradas às 18h51, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a candidata Fátima Bezerra (PT) foi eleita governadora do Rio Grande do Norte em segundo turno, neste domingo (28). Ela recebeu 1.013.092 votos, ou 57,58% dos válidos e Carlos Eduardo (PDT), 746.432 votos (42,42%). Veja a apuração completa aqui.

Fátima foi considerada eleita matematicamente às 18h34, quando as urnas estavam com 90,77% apuradas. Ela é a única mulher eleita governadora no país em 2018 e a terceira a ser escolhida para o cargo no estado.
Fátima Bezerra foi eleita governadora do RN com 57,60% dos votos válidos — Foto: Elisa Elsie

FÁTIMA VENCE A ELEIÇÃO EM ANGICOS COM 658 VOTOS DE MAIORIA

Eleições do RN

A candidata eleita Fátima Bezerra (PT) venceu a eleição em Angicos-RN com 658 votos de maioria sobre o candidato ao governo do RN Carlos Eduardo (PDT). Fátima obteve 3.741 e foi eleita com 54,82 % dos votos contra 3.083 de Carlos Eduardo totalizando 45,18 % dos votos. 

No primeiro turno a candidata obteve 3.002 e Carlos Eduardo 2.904 diferença de 98 votos a favor de Fátima Bezerra. Os "Alves" perderam a hegemonia na sua terra e perdeu nas urnas. Resta saber agora como será a transição de cargos na cidade de Angicos...

Resultado de imagem para fatima eleita


PREFEITO DEUSDETE GOMES NÃO APOIA CARLOS EDUARDO E SE MANTÉM NEUTRO

Como nós haviamos informado em caráter não oficial, o prefeito de Angicos Deusdete Gomes (PSDB) não declarou apoio ao candidato para o governo do RN Carlos Eduardo (PDT). Segundo informações o prefeito liberou seus corregilionários para votar em qualquer dos candidatos.


sexta-feira, 26 de outubro de 2018

CARREATA DE CARLOS EDUARDO EM ANGICOS-RN

A carreata do candidato Carlos Eduardo atraiu muitos eleitores no final da tarde dessa na cidade de Angicos. Ele falou que se ganhar a eleição vai começar sua administração por Angicos.

                                   




  




















ANGICOS: PREFEITO DEUSDETE GOMES DECLARA APOIO A CARLOS EDUARDO

Informação não oficial aponta que, enfim o prefeito de Angicos Deudete Gomes (PSDB) resolve apoiar alguém nessa eleição para o governo do RN, No primeiro turno ele ficou neutro. Ele deverá apoiar Carlos Eduardo (PDT). Deusdete foi eleito prefeito de Angicos-RN pelo Clã "Alves", Carlos Eduardo é "Alves", nesse caso o apoio é a recíproca obrigatória. O prefeito deve se pronunciar na noite de hoje durante o comício do candidato Carlos Eduardo. 



MINISTRO FUX QUESTIONA TJRN, 'QUE TRIBUNAL É ESSE QUE NÃO PODE JULGAR UM DEPUTADO ESTADUAL?'




"Que Tribunal é esse que não pode julgar um deputado estadual? Por que não pode julgar?". Os questionamentos do ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Fux foram feitos após o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte enviar processos para o STF porque mais da metade dos 15 desembargadores do TJRN alegaram suspeição para julgá-los. "Está todo mundo impedido por quê?", completou Fux.

As frases foram ditas na última terça-feira (23) durante audiência da 1ª Turma do STF que analisou o processo que tornou réu o deputado estadual do RN Ricardo Motta (PSB). Além dele, o deputado Ezequiel Ferreira de Souza, acusado de receber propina de R$ 300 mil, será também julgado pelo STF. O Presidente da ALRN se tornou réu no STF no dia 2 de outubro do corrente ano. Fux é o relator do processo.

O G1 procurou o Tribunal de Justiça do Rio Grande, mas a presidência da instituição não quis comentar as declarações. Durante a audiência, o presidente da Primeira Turma, ministro Alexandre de Moraes, afirmou que esse não foi o primeiro caso em que o TJRN remeteu o caso ao Supremo por causa de suspeição dos desembargadores. "É o segundo caso em que mais da metade do TJRN se declarou impedida. O TJRN não está julgando nenhum deputado", disse.

FÁTIMA BEZERRA PERDEU O DEBATE!

ELEIÇÕES DO RN

A candidata do PT demonstrou nervosismo, descontrolada e sobretudo despreparada para adimistrar um estado quebrado como o RN. O debate da Cabugi trouxe uma realidade já evidente, a candidata sem proposta se resumiu a fazer perguntas repetidas. A candidata atacou o tempo todo Carlos Eduardo. 

Carlos mostrou ao eleitor que é o mais preparado para o governo. O vencedor do debate foi sem sombra de dúvidas o candidato Carlos Eduardo. 

.Resultado de imagem para debate da inter tv cabugi

quarta-feira, 24 de outubro de 2018

EMANCIPAÇÃO POLITICA COM ARRASTÃO EM ANGICOS-RN

Na noite dessa quarta-feira dia 24 a prefeitura de Angicos comemora os 82 anos de emancipação politica quando durante o desfile algumas pessoas foram vitimas de um arrastão logo que o desfile chegou ao palanque oficial. Celulares foram furtados, mas o evento seguiu normalmente.

Resultado de imagem para arrastão de celular

CÂMARA MUNICIPAL PARABENIZA A CIDADE DE ANGICOS PELOS 82 EMANCIPAÇÃO

A Câmara Municipal de Angicos, através do seu Presidente, Vereador Cloves Tibúrcio e em nome de todos que fazem esta Casa Legislativa, parabeniza Angicos pelos seus 82 Anos de Emancipação Política Administrativa. Agradecemos aos angicanos por diariamente lutarem pelo desenvolvimento e crescimento de nossa cidade e pelo apoio a nós dado na realização de nossos compromissos. Desejamos progresso ao nosso município e que cada um de nós, tanto como órgão público quanto como cidadãos, possamos contribuir de forma satisfatória para um crescimento digno e saudável para a presente geração e as gerações vindouras.



CMA                                                                                                                            

terça-feira, 23 de outubro de 2018

PARTIDO NOVO ELEGE 20 CANDIDATOS E PODE CONQUISTAR O 2º MAIOR COLÉGIO ELEITORAL DO PAÍS

POLITICA

Desempenho de Amoêdo ficou longe da meta de 5%, mas partido pode fazer história em disputa pelo governo de Minas

(Rovena Rosa/Agência Brasil )

SÃO PAULO - A primeira participação do Novo em eleições nacionais conseguiu colocar o partido no mapa político brasileiro. Foram 20 deputados eleitos, sendo oito federais, 11 estaduais e um distrital. Além disso, o fundador do Novo, João Amoêdo, chegou em quinto lugar na corrida presidencial, com cerca de 2,7 milhões de votos (2,5%) superando nomes mais conhecidos, como Henrique Meirelles (MDB), Marina Silva (Rede) e Alvaro Dias (Podemos).

O desempenho ficou longe da meta de alcançar 5% do eleitorado brasileiro, mas o partido pode fazer história ao eleger o governador do segundo maior colégio eleitoral, Minas Gerais. Nos últimos cinco dias de campanha antes da votação, Romeu Zema saiu de 10% da preferência nas pesquisas para 42,73% dos votos válidos registrados no domingo (7).

De "zebra", o empresário passou a ser o favorito na disputa com o senador Antonio Anastasia (PSDB), que teve 29,06% dos votos válidos. Zema tirou da disputa Fernando Pimentel (PT), que ficou com 22,94% dos votos. 

Zema quebrou a tradicional polarização entre PSDB e PT após uma declaração no último debate antes do pleito. O candidato mineiro pediu que "aqueles que querem mudança, com certeza, podem votar aí nos candidatos diferentes, que são o Amoêdo e o Bolsonaro" durante as considerações finais do debate promovido Rede Globo. Vale ressaltar que foi o primeiro - e único - debate que ele participou no primeiro turno. 

A declaração não foi bem recebida pelo diretório nacional do Novo, que disse que a fala de Zema em sugerir voto em Bolsonaro era inaceitável e que ele cometeu infidelidade partidária. Já o diretório estadual afirmou que houve apenas um mal entendido.

"O que eu queria dizer naquele momento era que, em Minas Gerais, quem votasse no Amoêdo e no Bolsonaro estava votando com Zema. Mas já era quase 1h em um dia muito exaustivo e as palavras não foram exatamente essas que saíram", explicou o candidato ao InfoMoney.

Dentre as propostas de Zema para o governo de Minas, estão bandeiras defendidas pelo Novo como a redução da burocracia e o fim das "mordomias e privilégios" dos políticos, além de uma reforma na previdência estadual e enxugamento da máquina pública.

Vale ressaltar que Minas Gerais, ao lado Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, passa por uma das maiores crises fiscais entre todos os estados brasileiros. Em seu programa de governo, Zema afirma que "a busca pelo equilíbrio financeiro deve ser a premissa de qualquer governo que assuma o poder do Estado".

Quando o assunto é previdência estadual, ele aponta que "se nada for feito, os serviços públicos estarão comprometidos e a previdência entrará em colapso, já que os gastos previdenciários, por serem protegidos constitucionalmente, farão com que outras áreas sejam prejudicadas".

Em entrevista ao InfoMoney, Zema defendeu uma agenda de enxugamento de gastos públicos, investimento em eficiência, combate a privilégios e promoção de uma reforma tributária, além da privatização de empresas estatais. Para ele, medidas extraordinárias nas empresas estatais não devem ser utilizadas para sanear as contas públicas.

Caso ele confirme seu favoritismo indicado pela preferência do eleitorado no primeiro turno, o Novo ocupará, pela primeira vez em sua história, um cargo eletivo no Poder Executivo, governando um dos mais importantes estados do País.

Infomoney

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

AMEBA RARA E MORTAL QUE VIVE EM LAGOS, COME CÉREBRO HUMANO


Rara e altamente mortal 

Meningoencefalite amebiana primária é letal em 97% dos casos; Espanha e Argentina tiveram registros neste ano.

Meningoencefalite amebiana primária tem alto índice de letalidade — Foto: Laboratory Identification of Parasites of Public Health Concern/Divulgação

Casos recentes fizeram alguns países se depararem com uma infecção cerebral de nome difícil, ocorrência rara e alta letalidade: a meningoencefalite amebiana primária.

No mês passado, um surfista morreu após contrair a infecção, decorrente de uma ameba (um tipo de organismo unicelular), em uma piscina de ondas no Texas, Estados Unidos.

Na Argentina, este ano, um menino de oito anos contraiu a ameba e perdeu a vida depois de ter nadado em uma lagoa.

Também no início deste ano, uma menina de dez anos sobreviveu à infecção do parasita após contraí-la em uma piscina municipal da Espanha – neste caso, uma rara ocasião em que a vítima resiste, já que 97% dos casos de meningoencefalite amebiana primária são letais.

Afinal, do que se trata este mal de nome complicado?

Por que a bactéria se alimenta de ‘cérebros’?

De acordo com os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC), a ameba Naegleria fowleri é um microrganismo que vive em ambientes úmidos, como solos mais encharcados e fontes de água fresca, doce e morna – como rios e lagoas. Em casos de menor incidência, esses microrganismos podem ser encontrados também em piscinas com tratamento de cloro inadequado ou na água de torneira aquecida.

Segundo o CDC, a presença dessa ameba em ambientes aquáticos doces é comum, mas as infecções são raras – não há ainda métodos e métricas satisfatórias para quantificar a incidência da meningoencefalite amebiana primária no material líquido e a ligação disso com a contaminação em humanos.

Quando ocorre, a infecção se dá com a entrada da água contaminada no corpo pelo nariz.

É desta forma que o parasita chega ao cérebro e ataca o tecido cerebral. Daí o nome pelo qual esse organismo é conhecido: “a ameba que come cérebros”. A alimentação basal delas, porém, conta com bactérias encontradas nos sedimentos de regiões alagadas.

lago — Foto: Pixabay

Temperaturas quentes favorecem o desenvolvimento do microrganismo: por isso, a maioria dos casos ocorre no verão.

Os sintomas iniciais se parecem com os de uma meningite bacteriana, como dor de cabeça, febre e náusea; com a piora, podem surgir torcicolo, perda de equilíbrio e convulsões.

Segundo o CDC, estão descartadas infecções por meio da ingestão pela boca de água contaminada ou do contato entre pessoas.

Existe tratamento?

Felizmente, trata-se de uma infecção rara.

De acordo com o CDC, apenas 143 pessoas contraíram essa infecção nos Estados Unidos entre 1962 e 2017. No entanto, somente quatro sobreviveram.

“Houve 34 registros de infecções nos Estados Unidos nos 10 anos entre 2008 e 2017, apesar das milhões de exposições à àgua em atividades recreacionais a cada ano. Como comparação, nos 10 anos entre 2011 e 2010, houve mais de 34 mil mortes por afogamento no país”, diz o site do órgão.

No Brasil, estudos da década de 80 indicaram registros de cinco casos da infecção no país. Mas, segundo o parasitologista Danilo Ciccone Miguel, os dados disponíveis não permitem afirmar com convicção que eles foram decorrentes da Naegleria fowleri. Apenas um destes casos foi submetido a uma análise mais precisa.

“O caso descrito e confirmado por métodos imunológicos para detectar a presença da ameba em cortes de cérebro foi de um paciente no Rio de Janeiro e realizado post-mortem. Não há artigo para este relato, apenas uma descrição do caso foi publicada em uma conferência no Colorado, Estados Unidos, em 1983”, escreveu à BBC News Brasil por e-mail Miguel, professor e pesquisador do Instituto de Biologia da Unicamp.

“A demora no diagnóstico aliada à rápida evolução da doença tornam a confirmação da etiologia (o estudo das causas) bastante complicada. Logo, acredita-se na subnotificação de casos não só no Brasil, como no mundo todo”.

O pesquisador brasileiro conta ainda que, no país, amostras coletadas em piscinas e lagos artificiais em locais como Porto Alegre e Rio de Janeiro já detectaram a presença de diferentes amebas que podem causar outras doenças no homem. É o caso das acantamebas, que podem gerar ceratite (inflamação da córnea), encefalite (levando à inflamação e inchaço do cérebro) e infecções na pele.

“Contudo, sem dúvida, a espécie Entamoeba histolytica é a mais comum no Brasil e no mundo. É responsável por causar amebíase intestinal e extra-intestinal no homem”, explica o pesquisador, lembrando que a amebíase também pode ser fatal.

Rituais acendem alerta em países como o Paquistão

Para tratar a meningoencefalite amebiana primária, costuma-se usar uma droga antiparasitária chamada miltefosina. Em 2013, essa medicação salvou duas vidas.

Neste ano, a menina de dez anos que sobreviveu à ameba na Espanha também foi tratada com antiparasitários, já que antibióticos não funcionam nesses casos.

Por aspectos culturais, a infecção exige uma maior atenção em países como o Paquistão, em que rituais de ablução (purificação na água) aumentam a probabilidade do contato do nariz com a água contaminada.

Quando se trata da prevenção, o recomendado é que se mantenha a água distante do nariz ao nadar e mergulhar em água doce, seja cobrindo o nariz com a mão, deixando-os fora da água ou usando itens para cobrir os orifícios.

BBC

TUCANOS ACUSAM EZEQUIEL FERREIRA DE MACULAR IMAGEM DO PARTIDO


TUCANOS ACUSAM EZEQUIEL DE MACULAR IMAGEM DO PARTIDO


"O PSDB desses caras não é o meu", afirma presidente da Juventude Tucana no RN

O presidente Albert Einstein avaliou o posicionamento de alguns parlamentares do PSDB em apoio a candidatura de Fátima Bezerra.

Albert afirmou que, apesar do Presidente do PSDB/RN, Ezequiel Ferreira, ter dado declaração liberando os filiados, o seu posicionamento unilateral em apoio a candidatura do PT ao governo do Rio Grande do Norte, acaba maculando a imagem do PSDB potiguar.

"Eu sempre irei prezar pelo fortalecimento institucional do PSDB. Enquanto Juventude, viemos mostrando isso desde quando defendemos candidatura própria do partido ao governo do estado. Respeitamos o Presidente Ezequiel, mas não podemos corroborar com esse posicionamento fisiológico e unilateral que só macula a imagem do PSDB."

Albert reunirá a executiva da Juventude do PSDB para elaboração de um manifesto contestando a posição dos parlamentares que aderiram a candidatura da senadora petista e declarando o apoio da JPSDB ao candidato Carlos Eduardo. O documento será entregue ao Presidente Ezequiel Ferreira e protocolado junto a executiva nacional do PSDB. 

"Eu sou acostumado a ir para os embates e defender um Estado eficiente e que olhe com zelo para o gasto público. Não comungarei jamais com o fortalecimento do corporativismo e o aparelhamento estatal", analisa o tucano sobre um possível governo do PT no RN.

"É uma questão de formação política, de posicionamento. O PSDB desses caras que aderiram a candidatura Petista, não é o meu", conclui Albert.

TERRITÓRIO LIVRE RN

HONDA ELITE 125 CHEGA AS LOJAS EM DEZEMBRO

O scooter chegga para ser o mais acessível da marca no Brasil

Posicionado abaixo do PCX 150, modelo vai concorrer com o Yamaha Neo 125. Veja fotos e detalhes da moto.




Honda Elite 125 — Foto: Honda/Divulgação

De uma vez só, a Honda revelou 9 modelos de sua linha 2019 para o Brasil. Entre renovações, séries especiais e motos inéditas, o grande destaque é o scooter Elite 125, que chegará para ficar posicionado abaixo do PCX 150, atual scooter mais vendido da montadora no país.

Ainda não foram revelados o preço e nem os detalhes técnicos do Elite 125, mas o veículo será a porta de entrada para esse segmento, que vem crescendo nos últimos anos. A montadora irá divulgar todas as informações em dezembro, quando o scooter começará a ser vendido no Brasil.

O PCX atual é vendido por R$ 11.990, ou seja, é esperado que o Elite atue em uma faixa abaixo desse valor para ser um concorrente do Yamaha Neo, que custa R$ 8.290. O modelo chegará para ser um substituto tardio do Lead, que saiu de linha em 2017.


Honda Elite 125: conheça detalhes do scooter

O que se sabe sobre o Elite 125?

Seu motor de 1 cilindro tem injeção eletrônica e 125 cc de cilindrada, mas seus dados de desempenho, como torque e potência, ainda não foram divulgados. O trabalho é feito em conjunto com o câmbio automático do tipo CVT.

Com painel de LCD e luz frontal de LED, o Elite possui sistema de freios do tipo CBS, que reparte a frenagem entre a roda traseira (tambor) e a dianteira (disco de freio).

Honda Elite 125 — Foto: Honda/Divulgação

Algo que lembra bastante o Lead é o tamanho de suas rodas: possui uma de 12 polegadas, na dianteira, e outra de 10 polegadas, na traseira. São rodas consideradas pequenas, o que indica seu uso mais urbano.

O PCX, por exmplo, tem rodas de 14 polegadas em ambos os eixos.

Honda Elite 125 — Foto: Honda/Divulgação

Espaço embaixo do banco

Como é esperado de um scooter, o Elite 125 possui espaço para levar bagagens embaixo do assento, mas seu tamanho ainda não foi revelado.

Outro detalhe do modelo é que ele é um scooter do tipo plataforma, ou seja, existe um piso plano para o motociclista repousar os pés. O Yamaha Neo, por exemplo, não é assim.

Honda Elite 125 — Foto: Honda/Divulgação


Honda Elite 125 — Foto: Divulgação


Honda Elite 125 — Foto: Honda/Divulgação

Por Rafael Miotto, G1 — São Paulo