Seguidores

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

PRESIDENTE DO LEGISLATIVO ANGICANO CLÓVES TIBÚRCIO; "PREFEITO ENTROU MUDO E SAIU CALADO" MENSAGEM ANUAL DO EXECUTIVO

A volta parlamentar trouxe muito trabalho para os vereadores de oposição que começaram por analisar e questionar a Leitura Anual do prefeito Deusdete que aconteceu semana passada na Câmara Municipal. O presidente da Casa vereador Clóves Tibúrcio lembrou que o ex-prefeito Junior Batista pagava R$ 8.000,00 para um médico, Deusdete paga R$ 13.000,00 e não tem médicos. 


"A gente fica se perguntando, o que é isso? Má gestão! Que 'eles' tanto falavam. Diziam que a esposa (Severina Gomes) do vereador Nivaldo não tinha gestão a frente do Hospital Regional de Angicos, mas, o dinheiro vem do governo do estado para pagar a demanda dos plantões dos finais de semana e não tem médico", disse Clóves.

Clóves continuou falando que na época da esposa de Nivaldo não faltava médico, quando acontecia era por um curto período. O vereador se mostrou preocupado com a prestação de contas dos recursos que vem para pagar os plantões médicos. O que está sendo feito desse dinheiro que a mais de ano a secretária de saúde Nataly Felipe não presta contas? Segundo Clóves, se os vereadores quisessem atrapalhar a administração como "eles" andam falando, já teriam dado um telefonema para o Ministério da Saúde, mostrado fotos e a documentação que eles tem das vistoria feitas nas unidades de saúde e hospital. É provável que o MS já teria fechado todos os PSFs e o HRA. 

O vereador relatou que não é isso que eles querem, a intenção é mostrar ao prefeito que sob um sistema de rodízio a saúde funciona, é isso que eles querem para a população. Pelo menos até a quinta feira ou quarta. 

"Não pense o prefeito que nós estamos deixando ele levar com a barriga não, e lá na frente ele não vai prestar conta não! Vai! Quando ele procurar o chão, vai está bem distante dos pés dele", disse Clóves Tiburcio.


Nenhum comentário: